Mais amor, mais respeito, menos dogmas

love

Ontem uma emissora mostrou, em horário nobre, um beijo entre duas senhoras  ( interpretadas pelas atrizes Fernanda Montenegro e Nathalia Timberg) com uma belíssima trilha sonora de Maria Bethânia. Como era de se esperar para um primeiro capítulo, a internet veio abaixo.

O que me intrigou foi que a emissora publicou uma foto da cena do beijo das personagens em seu Instagram e em minutos havia comentários de apoio e repudia.  E sim, compreendo que há quem concorde e há quem discorde. E respeito os dois lados, embora eu já tenha o meu muito bem estabelecido.

O chocante em questão foram os comentários fortes que misturavam religião e vida, como se fossemos obrigados a viver sobre um dogma do qual não fazemos parte. Veja bem: Digamos que você seja espírita, eu seria obrigada a tomar passes uma vez por semana ? Ou talvez se você fosse muçulmano, me obrigaria a ajoelhar cinco vezes ao dia com a face no chão? Ou ainda se você fosse budista, eu seria obrigado a viver sob os dogmas do budismo, fazendo as orações e seguindo os preceitos conforme manda a SUA religião?

Ora, se não faz sentido que um siga os preceitos estipulados na religião do outro, sendo o Brasil um país regido por Estado Laico, por que cargas d’água ainda leio coisas como “a bíblia diz que isso é errado, duas mulheres juntas onde já se viu? Não foi isso que Deus deixou como regra.” ????

A parte mais estranha de tudo foi que a cena mostrou duas senhoras que vivem junto, dando um beijinho pequeno e puro, de apoio e companheirismo. E na minha cabeça ‘aberta’ não entra essa coisa de errado. Não vi nada que uma criança não possa ver. Não vi violência, não enxerguei promiscuidade, não considerei agressão. Só vi amor, respeito, carinho e realidade. E eu gostaria muito que meus filhos também vissem dessa forma.

Eu gostaria que as pessoas enxergassem e propagassem mais amor e menos regras, mais bondade e menos imposições, mais respeito e menos dogmas.


 

 

Comments

comments